Competitividade ameaçada

Há décadas, as empresas brasileiras têm sua competitividade prejudicada pela alta carga tributária. Apesar disso, a classe política dedica-se somente a aumentar a arrecadação e intensificar a fiscalização. Recursos que poderiam gerar crescimento e empregos desaparecem na administração pública.

Mesmo assim...

Muitas empresas recolhem ao poder público quantias que excedem suas obrigações, devido a erros de cálculo, interpretação equivocada da lei ou desconhecimento de decisões dos tribunais e de benefícios fiscais. Esta é uma realidade comum, uma vez que o sistema tributário brasileiro é bastante complexo.

Revisão Fiscal e Recuperação de Tributos

Muitos empresários estão revisando seus registros fiscais para reaver quantias pagas a maior. Estas podem ser recuperadas, quando identificadas a tempo. Além de reduzir custos, esta prática resgata recursos importantes, que podem ser utilizados para investimento ou abatimento de dívidas.

Conheça o procedimento

Consultoria para aproveitamento de Benefícios Fiscais

Benefícios fiscais são incentivos oferecidos pelo Governo aos contribuintes, estimulando uma ação positiva para a economia do país. De acordo com a especificidade de cada caso, pode-se usufruir desses benefícios para regularizar dívidas com o fisco, aumentar exportações, desenvolver tecnologia, entre outros.

Aproveite seus direitos

Dua Diligence

A grande maioria dos empresários desconhece a real extensão de suas dívidas fiscais, o que, torna-se um grande obstáculo para o reequilíbrio financeiro da organização. Assim, uma boa due diligence tributária é fator fundamental para o sucesso de qualquer plano de reestruturação empresarial.

Tire suas dúvidas

Quem Somos

Desde 2004, o Grupo SMBC dedica-se a reduzir o impacto dos tributos nas empresas.

Rozi Monteiro Lourenço

OAB/PR 31.450

Contabilista (CNEC/SC, 1993) e advogada (PUC/PR, 2000), especialista em Legislação e Planejamento Tributário (Universidade Positivo, 2005) e especialista em Planejamento e Gestão de Negócios (FAE, 2012).

Atuou como contadora até ingressar na carreira jurídica. Foi precursora de algumas relevantes discussões tributárias. Também é autora de diversos artigos publicados nos mais variados veículos de comunicação.

Atualmente, é responsável pela elaboração das estratégias de redução da carga fiscal; pelo suporte jurídico na recuperação de tributos; e, pela analise das inovações legislativas e jurisprudenciais, com o objetivo de combater eventuais cobranças tributárias abusivas, bem como, aplicar benefícios fiscais que favoreçam os clientes do Grupo SMBC.

João Silva Junior

CRC/PR 064391/0-7

Economista (FADEPS, 1995) e contador (Faculdade da Indústria, 2015).

Atua no ramo de revisão e recuperação de tributos há mais de 20 anos. Em parceria com programadores, desenvolveu software para realização de revisão fiscal e recuperação de tributos. Criou mecanismo avançados de analise dos riscos financeiros no aproveitamento de créditos tributários.

Hoje, é o responsável pela revisão da escrita fiscal; pelo levantamento de eventuais créditos tributários e respectiva compensação com tributos vencidos e/ou vincendos; e pela orientação, implementação e/ou execução dos procedimentos necessários para utilização de benefícios fiscais.

NOSSOS CLIENTES

NOSSA OPINIÃO

  • 08
    nov

    O fim da teoria ‘minority report’ na cobrança do ICMS

      Em 2002 foi lançado o filme de ficção cientifica Minority Report, estrelado por Tom Cruise e dirigido por Spielberg, o roteiro traz a história de um departamento de polícia especializada em ‘pré-crimes’, que apreende assassinos com base no conhecimento prévio fornecido por três videntes chamados de precogs, antes mesmo do crime acontecer! Assim é a cobrança do ICMS na chamada substituição tributária para frente. Esta comparação foi feita pela doutrinadora Misabel Derzi, e é a mais pura realidade! Existe uma gama de elevada de mercadorias que se sujeita a este tipo de cobrança, como: alimentos, combustíveis, medicamentos, automóveis, etc…...

    Read more
  • 13
    out

    Além de cara, a conta de energia elétrica está inchada!

    Difícil encontrar quem não esteja insatisfeito com os valores das ultimas contas de luz, e não é para menos, só no ultimo ano foi mais de 50% de reajuste. Se este custo está pesando no orçamento doméstico, dá para imaginar o dano que causa em alguns setores da economia que tem a energia elétrica como principal ferramenta de funcionamento. As indústrias, certamente são bastante afetadas, mas, não menos do que os supermercados. Pesquisas apontam que a energia elétrica se tornou o segundo maior custo dos supermercados, perdendo apenas para a folha de salário. E, nesta atividade, falar em reduzir o...

    Read more
  • 02
    set

    Os efeitos colaterais do Refis da Copa

    A goleada de 7 a 1 da Alemanha sobre o Brasil já caiu no esquecimento – afinal, um ano se passou daquela fatídica semifinal da Copa do Mundo. Mas o mesmo não ocorre com o parcelamento especial lançado logo após o campeonato mundial, chamado de “Refis da Copa”. E, tal qual a partida no Mineirão, as razões não causam orgulho. O Refis da Copa, instituído pelo artigo 2.º da Lei 12.996/14, nada mais foi do que uma nova reabertura do programa de parcelamento instituído pela Lei 11.941/09, conhecido como Refis da Crise, mas acrescida de algumas peculiaridades, como a exigência...

    Read more